• You are here:
  • Home »
  • Microagulhamento

Category Archives for Microagulhamento

Como funciona o processo de regeneração da pele

A pele possui vários mecanismos de regeneração e reparo. Eles são empregados para eliminar qualquer dano causado por influências externas e restaurar a função perdida. Entenda melhor neste artigo como tudo isso funciona.

Se você trabalha ou pretende trabalhar na estética, saiba que esse assunto é fundamental.

Boa leitura!

Sabe-se que a camada ou capa córnea é a mais superficial da pele. A ação de substâncias irritantes mecânicas, físicas ou químicas externas faz com que a camada córnea engrosse.

Exemplos típicos são o espessamento encontrado após intensa exposição ao sol e a formação de calosidades em áreas sujeitas a estresse mecânico (palmas das mãos e solas dos pés).

O engrossamento acontece como uma defesa da pele.

A regeneração após danos relacionados aos raios UVA e a exposição intensa aos raios UV causa danos primários ao material genético.

Danos secundários ocorrem às proteínas e membranas celulares pelos radicais livres que foram induzidos por raios UV.

Sabe-se que a pele possui muitos mecanismos para a reparação do DNA danificado. Nos seres humanos, os mais importantes são os mecanismos de reparo por excisão e pós-replicação: O mecanismo de reparo por excisão é baseado no reconhecimento, remoção e substituição do segmento de DNA danificado.

Desta forma, as mutações são evitadas desde que o mecanismo de reparo não esteja sobrecarregado ou com defeito.

O mecanismo de reparo pós-replicação das células, por outro lado, trabalha em torno do segmento de DNA danificado, o que significa que é ignorado quando o código genético é lido.

Só mais tarde o dano é reparado. Esse mecanismo é tão defeituoso, no entanto, que muitas vezes mais mutações são causadas pelo reparo do que pelos danos causados pela radiação original.

Regeneração após lesão cutânea ablativa:

Uma das camadas da epiderme, a camada basal garante uma renovação constante da epiderme, através da divisão celular contínua (proliferação).

Se uma lesão estiver confinada à camada superior da pele, esse dano, conhecido como erosão, pode curar sem cicatrizes. No entanto, pode ter uma hiperpigmentação como consequência.

A derme cicatriza

Se o dano atinge a derme (por exemplo, uma úlcera ou um corte profundo) e envolve a membrana basal (junção epidérmica dérmica), a cicatrização geralmente é acompanhada pela formação de cicatrizes.

Quando isso acontece, as células epidérmicas destruídas são substituídas por tecido conjuntivo.

A resposta inflamatória pode durar de 1 a 5 dias,

Nos danos iniciais, os mastócitos (células do tecido conjuntivo) liberam histamina (aminoácido) no tecido, o que desencadeia a resposta inflamatória, os capilares e arteríolas locais se dilatam para melhorar a circulação sanguínea na área e oxigenação.

As paredes capilares se abrem levemente para permitir a passagem do fluido Exsudato inflamatório para o tecido.

O fluído chamado de exsudato contém anticorpos para neutralizar qualquer material estranho e precursores de fibrina que são depositados em uma malha para impedir a propagação de qualquer material estranho. O fluido exsudato também contém leucócitos, que se movem através das paredes capilares para remover qualquer material estranho e tecido morto pela fagocitose.

Como se forma a crosta ou casca na pele 

Se o sangramento ocorreu, a hemóstase (efeito de estancar uma hemorragia) ocorre logo após a lesão.

As plaquetas na área da ferida acumulam um tampão sobre os danos e liberam serotonina.

A serotonina causa a contração dos vasos sanguíneos e reduz o fluxo sanguíneo. Se isso for insuficiente para interromper o sangramento, uma série de mensageiros químicos inicia o mecanismo de Coagulação.

Essa ação de coagulação resulta em grandes quantidades de fibrina sendo estabelecidas na área para unir tudo, como cola.

Portanto, uma crosta contém glóbulos secos, líquido inflamatório seco (e seus glóbulos brancos), plaquetas e qualquer matéria estranha que não seja lavada pelo fluxo de sangue e exsudato.

Após a corrida inicial da resposta inflamatória. É o período em que os leucócitos e os macrófagos que chegam mais tarde removem o tecido morto e o material estranho, e a rede de fibrina (coágulo sanguíneo) depositada nos tecidos é dissolvida.

Macrófago

O poderoso macrófago age como um ator principal, esses glóbulos brancos têm funções de fagocitose (limpeza). Sem macrófagos não há cura.

Os macrófagos liberam enzimas destruidoras de tecidos para livrar a ferida de detritos, deixando espaço para as células saudáveis ​​preencherem o vazio.

O macrófago é primordial para o estágio inflamatório da cicatrização de feridas e também essencial para o desenvolvimento de novos tecidos através de fatores de crescimento derivados de macrófagos (MDGF).

Os macrófagos levarão de três a cinco dias para estimular a diferenciação dos fibroblastos. Essa próxima fase da cicatrização é chamada de estágio proliferativo.

A fase proliferativa geralmente é estabelecida dentro de 5 dias após o ferimento e dura até 4 semanas.

O fibroblasto

Os fibroblastos que normalmente são encontrados em baixo número na derme, proliferam na ferida e migram com a ajuda dos fatores de crescimento (MDGF) e uma glicoproteína muito importante chamada fibronectina.

A fibronectina atua como um canal para fibroblastos. Liga-se à matriz da ferida e ao fibroblasto, permitindo que o fibroblasto faça a colagenogênese (formação de colágeno).

Uma vez na ferida, os fibroblastos começam a sintetizar fibras de colágeno (tipo 3) e produzem proteoglicanos, (proteínas estruturais e proteínas adesivas) que são substâncias básicas do tecido conjuntivo. Outras proteínas fibrosas na ferida incluem elastina e reticulina.

Vitamina C, ferro e cobre são essenciais para a síntese de colágeno, que constitui 50% da proteína encontrada no tecido cicatricial.

Por isso a vitamina C é considerada regeneradora para a pele.

Angiogênese

Angiogênese é o processo de formação de novos vasos sanguíneos daqueles já existentes.

A angiogênese é necessária no processo de regeneração e cicatrização da pele.

Esse processo continua até o contato com um vaso sanguíneo intacto e uma alça capilar se formar com o fluxo sanguíneo direcionado.

Todo esse processo é realizado poucos dias após o trauma. O novo tecido altamente vascularizado tem uma aparência granular (e pode ser por isso que é chamado tecido granulado e é reconhecível por seus nódulos arredondados visíveis do tamanho da cabeça de alfinete.

A cor vermelha escura ou rosa e com aparência úmida e brilhante indicam boa cicatrização.

A má cicatrização é indicada por uma cor azulada e uma aparência manchada de fibrina.

Remodelação dérmica

O colágeno tipo 3 inicialmente estabelecido pelos fibroblastos, mantém temporariamente a ferida unida durante a cicatrização.

O colágeno tipo 3 agora começará a mudar para colágeno tipo 1, devolvendo força e integridade estrutural à área ferida, sendo reorganizado em feixes regularmente alinhados, orientados ao longo das linhas de estresse na ferida cicatrizante. Isso é feito pela enzima colagenase.

Tendo formado abundantes fibras de colágeno, os fibroblastos se transformam em fibrócitos ou mio-fibroblastos. Os fibroblastos mio na área da ferida são responsáveis ​​pela contração da ferida (processo normal em que as bordas da ferida migram em direção ao centro da ferida).

As células epiteliais se dividem e migram sobre as camadas basais para regenerar o epitélio.

As células basais continuam a se dividir até a estratificação epitelial ser restaurada.

Quando a cobertura da superfície da ferida sob a crosta está completa, a crosta se desprende e a epiderme começa a queratinizar. A remodelação da matriz de colágeno pode continuar por anos com a extensão variando entre indivíduos e com a idade. A cicatriz raramente é tão forte quanto o tecido que a substituiu.

Se você quer tratar rugas, alopecia e estrias formando o processo de colagenogênese e angiogênese na pele, venha conhecer o curso completo de Microagulhamento Sem Mistérios.

O CURSO É 100% ONLINE E VOCÊ PODE ASSISTIR ONDE E QUANDO QUISER

As aulas foram gravadas com qualidade de imagem e som profissionais.

AS AULAS PRÁTICAS FORAM GRAVADAS A PARTIR DE TRATAMENTOS REAIS

Dentro do curso você poderá acompanhar diversos tratamentos reais de Microagulhamento Facial e Corporal com o passo a passo dos procedimentos.

TODAS AS AULAS SÃO COMENTADAS E DESCREVEM OS FUNDAMENTOS DO MICROAGULHAMENTO

As aulas teóricas foram pesquisadas durante muitos meses para garantir que você tenha toda a base científica antes de iniciar o atendimento com Microagulhamento. Dentro do curso você irá encontrar toda a bibliografia utilizada.

ACOMPANHAMENTO PERSONALIZADO E SUPORTE

Além de poder assistir todas as aulas quantas vezes você quiser, você irá contar com um suporte personalizado que é feito através de EMAIL, GRUPO FECHADO NO FACEBOOK E UM FÓRUM DENTRO DO CURSO.

O CERTIFICADO É ENTREGUE NO SEU ENDEREÇO e reconhecido para compor horas na faculdade.

E se você não gostar do conteúdo ou achar que trabalhar com o MICROAGULHAMENTO não é para você, eu te dou 7 dias de Garantia.

O Curso Online de Microagulhamento foi criado para te ajudar a aprender a aplicar o Microagulhamento com segurança e para isso precisamos ter certeza de que o conteúdo e as técnicas apresentadas nesse curso servem para você.

Esses comentários mostram um pouquinho da opinião das alunas!

CLIQUE NO LINK ABAIXO E FAÇA A SUA INSCRIÇÃO POR UM PREÇO PROMOCIONAL

https://www.esteticistacomovoce.com.br/inscricoes-microagulhamento/

Como se livrar das cicatrizes de acne

A acne tem uma prevalência de mais de 90% entre os adolescentes e persiste na idade adulta em aproximadamente 12% a 14% dos casos com implicações psicológicas e sociais de alta gravidade.

Introdução

Todas as áreas do corpo com altas concentrações de glândulas pilossebáceas estão envolvidas, mas em particular o rosto, as costas e o peito. As lesões inflamatórias da acne podem resultar em cicatrizes permanentes, cuja gravidade pode depender de atrasos no tratamento de pacientes com acne. O costume de ficar “cutucando” um cravo ou uma espinha gera consequências formando as cicatrizes.

O fato é que muitas pessoas sem o esclarecimento necessário se atrevem até a extrair uma acne com as próprias unhas e isso gera uma lesão que por fim se torna uma cicatriz, por isso é tão importante a busca de um profissional para realizar uma limpeza de pele mensal.

Atualmente, a patogênese da acne é atribuída a vários fatores, como aumento da produção de sebo, alteração da qualidade dos lipídios do sebo, fatores genéticos, proliferação de Propionibacterium acnes (P. acnes) no folículo e excesso de queratina no folículo piloso.

A excreção aumentada de sebo contribui para o desenvolvimento da acne.

Cicatrização

A cicatrização pode ocorrer como resultado de danos à pele durante a formação da acne ativa.

Existem dois tipos básicos de cicatriz, dependendo da perda ou ganho líquido de colágeno (cicatrizes atróficas e hipertróficas).

Oitenta a noventa por cento das pessoas com cicatrizes de acne têm cicatrizes associadas à perda de colágeno (cicatrizes atróficas) em comparação com uma minoria que mostra cicatrizes hipertróficas e queloides.

Tipos de cicatrizes

As cicatrizes de acne atrófica são mais comuns. As queloidianas e as cicatrizes hipertróficas são mais raras. Essas ocorrem quando o quadro de acne na adolescência foi muito avançado criando cistos e quando o paciente tem tendência genética para essa formação.

Profundidade

Quanto a profundidade das cicatrizes de acne, elas podem ser rasas (0,1 a 0,5 mm) ou profundas (maior que 0,5 mm).

Às vezes, os três tipos diferentes de cicatrizes atróficas podem ser observados nos mesmos pacientes e pode ser muito difícil diferenciar entre eles.

Cicatrizes hipertróficas e queloidianas

Cicatrizes hipertróficas e queloidianas estão associadas ao excesso de deposição de colágeno.

As cicatrizes hipertróficas são tipicamente rosadas, elevadas e firmes, com feixes grossos de colágeno

A histologia das cicatrizes hipertróficas pós acne é semelhante à de outras cicatrizes dérmicas. Em contraste, os queloides se formam como pápulas e nódulos roxo-avermelhados que proliferam além das bordas da ferida original. São mais comuns em indivíduos de pele mais escura e ocorrem predominantemente no tronco.

Pode ocorrer na face pós acne avançada, porém é mais raro.

Tratamento

A prevenção é o principal passo para evitar o aparecimento de cicatrizes pós-acne. Fatores genéticos e capacidade de responder ao trauma são os principais fatores que influenciam a formação de cicatrizes.

Primeiro, é importante reduzir ao máximo a duração e a intensidade da inflamação, enfatizando a importância do tratamento da acne. O uso de retinoides tópicos e vitamina c são úteis na prevenção de cicatrizes de acne.

Tratamento para cicatriz hipertrófica ou queloidiana

Crioterapia

A crioterapia com nitrogênio líquido pode melhorar significativamente a aparência clínica de cicatrizes hipertróficas e queloides e determinar sua regressão completa.

As baixas temperaturas alcançadas durante as sessões de crioterapia causam uma diminuição do fluxo sanguíneo (vasoconstrição) e causam uma necrose tecidual.

A idade e o tamanho da cicatriz são fatores importantes que condicionam o resultado dessa técnica: cicatrizes mais jovens e menores são mais responsivas à crioterapia.

Comparada às injeções de corticosteróides, a criocirurgia é significativamente mais eficaz do que os métodos alternativos para lesões ricamente vascularizadas 12 meses mais jovens.

Durante cada sessão de crioterapia, o paciente geralmente é submetido a 2-3 ciclos, cada um com duração inferior a 25 segundos.

As possíveis reações adversas são representadas por hipo e hiperpigmentação, atrofia da pele e dor.

Em relação às lesões localizadas na face, os possíveis resultados do congelamento restringem o uso de crioterapia nessas áreas, principalmente nos casos em que as cicatrizes são numerosas ou em fototipos escuros. Portanto, a crioterapia pode ser levada em consideração especialmente para cicatrizes localizadas no tronco ou para cicatrizes particularmente volumosas no rosto.

Tratamento para cicatrizes de acne comuns ou atróficas

Microagulhamento

O microagulhamento cutâneo é uma técnica recentemente proposta que envolve o uso de um rolo estéril composto por uma série de agulhas finas e afiadas para perfurar a pele.

A técnica pode ser aplicada também com uma caneta específica contendo cartucho de agulhas.

Antes do procedimento, a pele facial deve ser desinfetada e, em seguida, é aplicado um anestésico tópico, deixado por alguns minutos.

O procedimento de agulhamento cutâneo é realizado utilizando-se um dermaroller nas áreas cutâneas afetadas por cicatrizes de acne, para trás e para frente com alguma pressão em várias direções.

As agulhas penetram cerca de 1,5 a 2 mm na derme, dependendo da profundidade das agulhas. Como esperado, a pele sangra por um curto período de tempo, mas isso logo para.

A pele desenvolve múltiplos micro furos na derme que iniciam a cascata complexa de fatores de crescimento que finalmente resulta na produção de colágeno.

A histologia mostra espessamento da pele e um aumento significativo de novas fibras de colágeno e elastina. Os resultados começam a ser vistos após somente algumas semanas.

Como a deposição de novo colágeno ocorre lentamente, a textura da pele continuará melhorando ao longo de um período de 12 meses.

Os resultados clínicos variam entre os pacientes, mas todos os pacientes atingem uma melhora significativa.

O número de tratamentos necessários varia dependendo da resposta individual do colágeno, da condição do tecido e dos resultados desejados.

O microagulhamento cutâneo pode ser realizado com segurança em todas as cores e tipos de pele: existe um risco menor de hiperpigmentação pós-inflamatória do que outros procedimentos, como dermo abrasão, peelings químicos e procedimento a laser.

O microagulhamento cutâneo é contraindicado na presença de terapias anticoagulantes, infecções ativas da pele, diabetes descompensada, histórico pessoal ou familiar de cicatrizes hipertróficas e queloides, gestantes.

Se você quer tratar as cicatrizes de acne do seu rosto ou de suas clientes, torne-se profissional e faça de uma maneira segura e eficiente.

Acesse o link abaixo para conhecer o treinamento online de Microagulhamento:

Principais Dúvidas sobre o BB Glow

O Micromake BB Glow é uma técnica nova no mercado da estética e está atraindo centenas de clientes interessadas, não só pela curiosidade, mas também pela divulgação na internet dos resultados incríveis que essa técnica traz.

Neste artigo eu resolvi listar as principais dúvidas a respeito do BB Glow em 26 perguntas e respostas.

Na primeira lista, você vai saber sobre as principais dúvidas de clientes interessadas no tratamento.
Com esse conteúdo você vai conseguir multiplicar o seu faturamento fechando diversos tratamentos com o Micromake BB Glow.

Na segunda lista você vai entender sobre as principais dúvidas que as minhas alunas tinham antes de realizarem a matrícula para o curso online de Micromake BB Glow 2.0

Está
preparada?

Então
vamos lá!

Lista 1 – Dúvidas de Clientes

 

1.         Para que serve o BB Glow?

BB Glow é uma técnica vinda da Coreia
do Sul para deixar a pele tratada e com aspecto de porcelana.

Os produtos são importados e promove: Viço, suavização de rugas, manchas, clareamento de olheiras, diminui poros dilatados, recupera pele cansada e envelhecida, melhora o aspecto da rosácea, suaviza cicatrizes, aumenta a produção de colágeno diminuindo a flacidez e deixa uma tonalidade saudável à pele por aproximadamente 9 meses.

2.         Posso fazer o tratamento com o BB Glow em outras partes do corpo além do rosto?

Sim! Pode tratar somente as olheiras para promover clareamento e suavização de bolsas, pode aplicar no colo para o clareamento das manchas de sol e pele flácida. Pode aplicar nas mãos para o rejuvenescimento.

3.         Para que serve o BB Blush?

O BB Blush Serve para deixar uma tonalidade de cor saudável nas maçãs do rosto, além do que, faz um tratamento na pele porque da mesma forma que o BB Glow, o produto contém ativos de tratamento como ácido hialurônico e vitaminas.

4.         Posso fazer um tratamento para os lábios?

Sim! Para isso que tem o BB Lips. É um tratamento para deixar a pele dos seus lábios renovada. Aumenta o formato dos lábios temporariamente e deixa um aspecto de brilho.

5.         Quanto tempo dura cada tratamento desse?

BB Glow até 9 meses. BB Blush cerca
de 3 meses e o Lips também cerca de 3 meses.

Todas as recomendações para que os
resultados fiquem mais tempo eu vou te passar.

Você vai saber tudo o que pode ou não pode usar e fazer em casa.

6.         Ah! Mas esse tratamento é muito caro e eu não tenho dinheiro.

Dinheiro não é o problema. Eu posso
parcelar. Você sempre troca de celular não troca?

Sempre está comprando uma roupa nova
ou saindo para comer uma pizza. Então a questão é prioridade.

Você pode investir no seu bem-estar,
na sua qualidade de vida e principalmente na sua beleza, aumentando muito a sua
autoestima.

Você merece isso!

7.         Mas eu terei que pagar tudo isso pelo tratamento de BB Glow?

Não se preocupe porque eu parcelo para você. Com o valor da parcela, não vai dar nem para comprar um jantar no restaurante que você está acostumada.

8.         Quantas sessões eu vou precisar fazer?

4 sessões já serão o suficiente para que você fique linda.

9.         Posso trazer o meu marido/namorado para fazer BB Glow?

Sim! Claro que pode. Esse tratamento também serve para os homens.

10.       Esse procedimento dói?

Fique tranquila porque o Micromake BB Glow não causa dor e nem sangramento.

11.       E se eu quiser intercalar o Micromake BB Glow com outros tratamentos. Eu posso?

Pode sim, desde que não seja nada que cause descamação na pele.

12.       Eu vou poder usar maquiagem normalmente?

Sim, sem problemas. Porém o BB Glow já entrega uma pele com aspecto de porcelana.

13.          E se eu não gostar do resultado?

Dificilmente isso vai acontecer porque já existem muitas pessoas que estão fazendo esse procedimento, estão postando fotos dos resultados na internet e estão amando os resultados de uma pele bonita e tratada.

14.          Esses produtos contêm cor. Podem me fazer mal?

Não. São pigmentos que existem em muitas coisas, inclusive para micropigmentação de sobrancelhas esses pigmentos são bem mais carregados. Além disso, vamos fazer um teste alérgico antes de aplicar.

Lista 2 – Dúvidas de futuras profissionais em Micromake BB Glow

 

15. Quanto eu posso cobrar numa sessão de Micromake BB Glow?

Bom, se você aplicar somente o BB Glow no tratamento facial, dá para ganhar entre 400,00 a 500,00 em média por sessão. Com o tratamento completo incluindo o Blush + Lips esse valor sobe para 650,00 em média por sessão.

16. Quanto eu terei que gastar para entrar no curso de Micromake BB Glow online?

Na verdade, não é um gasto e sim um investimento e logo na primeira sessão você já poderá ter o seu valor investido quase 100% de volta.

17. Como eu posso saber se o pigmento do BB Glow está de acordo com o fototipo de pele da cliente?

Isso é bem simples, no curso e ensino direitinho como aplicar um teste de cores antes de fechar o tratamento.

18. O produto para o pigmento é importado ou nacional?

O BB Glow é importado, pois ainda não existe BB Glow nacional.

19. O BB Glow possui Anvisa?

Sim! Você pode ficar despreocupada que todos os produtos da Stayve que são utilizados nas aulas práticas foram isentos de registro na Anvisa.

20. Eu ouvi dizer que o BB Glow possui dióxido de titânio para dar a coloração clara ao pigmento. Isso pode fazer mal?

Não faz mal, pois o dióxido de titânio foi adicionado numa porcentagem muito baixinha. É um mineral natural e ainda faz parte da composição de todos os medicamentos da coloração branca e de algumas marcas de leite.

21. Além do pigmento, o que mais o BB Glow tem na composição?

O produto vem em ampolas e possui ativos vegetais, aminoácidos e ácido hialurônico para tratar a pele e fornecer um aspecto de porcelana.

22. Além da aplicação do BB Glow, eu terei que fazer mais algum procedimento para que o resultado seja positivo?

No curso eu ensino como você pode fazer um tratamento prévio na pele para potencializar os resultados.

23. Eu não posso trabalhar com preenchimento labial invasivo, o BB Lips causa o mesmo efeito nos lábios?

Aí está uma excelente opção de tratamento para os lábios para
quem não pode aplicar injetáveis e também para a aquela cliente que é sensível
a dor.

O BB Lips causa um efeito de rejuvenescimento nos lábios trazendo de volta o volume e aspecto de lábios com Gloss.

24. Quantas aplicações rendem as ampolas?

As ampolas com o BB glow rendem 2 aplicações cada uma, sendo
que a caixa vem 12 ampolas totalizando 24 sessões cada caixa.

As ampolas do BB lips rendem cerca de 8 a 10 sessões cada
ampola, sendo que vem 4 ampolas sendo 4 cores diferentes em cada caixa.
Rendimento total de 40 sessões aproximadamente. 

O BB Blush possui 5 ampolas na caixa, sendo que cada ampola rende 4 aplicações ou mais. Total de 20 aplicações aproximadamente por caixa.

25. Nossa! Eu percebi que os produtos rendem bastante, mas como eu farei para adquiri-los já que são importados?

Não se preocupe com isso, pois eu sou representante da
Stayve aqui no Brasil e consigo um preço bem abaixo do que estão vendendo por
aí.

Os produtos poderão ser entregues na sua casa, e ainda no curso eu mostro outras opções de marcas caso você não queira trabalhar com a Stayve que está isenta de Anvisa. 

26. Será que realmente eu vou conseguir clientes com essa técnica?

Com certeza sim, pois até famosas como a Ana Hickmann
já aderiram a esse tratamento. Assim como o microagulhamento e o jato de
plasma, o Micromake BB Glow veio para ficar.

Além de conseguir novas clientes, você ainda vai fidelizar as atuais. E o principal é que você vai se destacar no mercado da estética por ser um procedimento novo.
 
Se você tem mais alguma dúvida, deixe aqui nos comentários!

[CLIQUE AQUI PARA CONHECER O CURSO ONLINE DE MICROMAKE BB GLOW]

Conheça todos os meus cursos

Espero que tenha gostado desse artigo, para se especializar ainda mais em tratamentos estéticos, conheça todos os cursos que eu ofereço. Eu já consegui ajudar mais de 8.000 alunas e alunos.

Poros Dilatados

 

Muitas pessoas reclamam da presença de poros ou óstios dilatados no rosto, causa inestética e até baixa autoestima.

Neste artigo você vai saber exatamente o caminho para se ver livre ou pelo menos disfarçar os poros dilatados.

Leia a matéria completa.

 

Poros dilatados

Muitas pessoas queixam-se de poros abertos, não sabem o que fazer ou o que usar para minimizar essa situação e você como profissional vai ter a chance de conhecer quais são as melhores indicações e tratamentos lendo essa matéria. Boa leitura!

 

Porque esse fenômeno ocorre em algumas pessoas e em outras não?

Os poros são pequenas aberturas na pele por onde saem os pelos e também a secreção das glândulas sudoríparas que são responsáveis pela produção do suor e das glândulas sebáceas que são responsáveis pela oleosidade.

Os poros são essenciais para a saúde da sua pele, fornecendo óleo para manter a pele macia e hidratada. No entanto, você não necessariamente quer ser lembrado de sua existência toda vez que se olha no espelho visualizando os poros dilatados.

Os poros aparecem mais quando estão infectados ou entupidos com óleo, fazendo com que pareçam maiores do que realmente são. Embora não seja possível “encolher” permanentemente os poros dilatados, há várias maneiras de torná-los menos perceptíveis.

Existem dois fatores principais que contribuem para poros dilatados: são a genética e a idade.

As pessoas que têm a pele naturalmente espessa e oleosa tendem a ter os poros maiores.

À medida que as pessoas envelhecem, os danos provocados pelo sol e a diminuição da elasticidade e do colágeno da pele podem causar a dilatação dos poros.

Com o passar do tempo a pele engrossa, a borda dos poros aumenta parecendo que são maiores.

O surgimento de comedões também são um grande contribuinte para grandes poros. Quando o poro fica entupido por sujeira e bactérias, o óleo dentro do poro começa a se acumular, fazendo com que o diâmetro do poro se expanda.

 

O que fazer para prevenir o surgimento de poros dilatados.

A aparência de poros grandes pode ser bastante reduzida de várias maneiras. Por exemplo, a limpeza dos poros de detritos, excesso de óleo e bactérias reduzirá significativamente sua proeminência.

Por isso é muito importante uma limpeza de pele profunda periódica, pelo menos uma vez por mês. Isso fará com que o grau de sujidade seja diminuído.

Outras medidas que melhoram a aparência da pele com poros dilatados é a aplicação de vitamina c tópica e o uso de ácido retinóico com porcentagem baixa para aplicação home care noturna.

Esses antioxidantes ajudam a pele a aumentar a produção de colágeno e elastina ao mesmo tempo em que afrouxam a sujeira e o óleo dos poros.

 

A esfoliação também pode minimizar a aparência de poros dilatados. Isso pode ser feito usando um esfoliante suave facial em casa ou aplicando sessões de Microdermoabrasão com profissional da estética. Microdermoabrasão é um tipo especial de peeling físico que esfrega suavemente a superfície da pele retirando as células mortas e excesso de queratina renovando a capa córnea e revelando uma pele mais macia e saudável por baixo.

 

Microdermoabrasão

 

 

 

Tratamento para os poros dilatados

Avanços no cuidado dermatológico e estético levaram ao desenvolvimento de uma série de tratamentos eficazes para poros dilatados. Se você ou suas clientes sofrem com esse problema, você pode se beneficiar dos seguintes tratamentos:

 

Aplicação de Luz intensa pulsada

 

A luz intensa pulsada também pode ser chamada de fotofacial, é um procedimento de 30 minutos em que intensos pulsos de luz são usados ​​para penetrar profundamente na pele.

A luz intensa pulsada (IPL) faz com que o colágeno e os vasos sanguíneos abaixo da epiderme se contraiam, reduzindo os poros dilatados, a vermelhidão e as linhas de expressão. O procedimento envolve apenas desconforto e pode ocorrer vermelhidão e inchaço após o tratamento desaparecem em breve.

A maioria dos benefícios da aplicação da Luz intensa pulsada aparece gradualmente nas semanas seguintes ao tratamento.

Para um aprimoramento cosmético ainda maior, os pacientes também podem optar por um Fotofacial RF que é um procedimento que combina ondas de rádio frequência com ondas de luz para alcançar excelentes resultados.

É necessário que o aparelho seja registrado pela Anvisa e seja aplicado por uma profissional habilitada da dermatologia ou estética.

 

Peelings Químicos

 

Outra medida importante é aplicação de peelings químicos

Um peeling químico é usado para remover as camadas externas danificadas da epiderme com uma solução ácida para melhorar a aparência e a textura da pele. Segundo a Academia Americana de Dermatologia, um peeling químico não pode alterar o tamanho dos seus poros, mas pode tornar os poros menos perceptíveis.

De acordo com a Sociedade Americana de Cirurgiões Plásticos, ou ASPS, as soluções utilizadas para peelings químicos são o fenol que é um peeling profundo aplicado por médicos, o ácido tricloroacético (TCA) ou o alfa-hidroxiácido (AHA) que podem ser aplicados num peeling superficial.

A fórmula usada pode ser ajustada para atender às necessidades do paciente. Os peelings superficiais de AHAs são fórmulas suaves que podem exigir uma série de aplicações, que são chamados de peelings seriados.

Essas aplicações seriadas com o peeling superficial precisam de algum tempo para que os resultados desejados sejam atingidos.

De acordo com o ASPS (Sociedade Americana de Cirurgiões Plásticos), o ácido glicólico é um AHA e este pode ser aplicado em forma sabonete para uma simples limpeza da pele ou sessões de peeling para melhorar a textura da pele.

Durante a maioria dos peelings químicos, é possível sentir uma sensação de calor que dura aproximadamente 10 minutos. No entanto, um peeling mais profundo pode ser doloroso e requer uma medicação para a dor durante e após o procedimento. AHA e peeling superficial de TCA têm um tempo de recuperação mínimo. Essas fórmulas mais suaves podem causar vermelhidão, irritação e ardência a curto prazo.

Uma sessão de aplicação do peeling superficial facial em cabine pode variar de 150,00 a 350,00 dependendo do número de sessões.

 

Microagulhamento

 

Microagulhamento é um processo onde minúsculas agulhas penetram na pele centenas de vezes e em várias direções. É um procedimento aplicado por esteticista ou médico habilitado.

O microagulhamento é usado para tratar todos os tipos de problemas de textura, desde cicatrizes de acne até poros dilatados. É uma terapia de indução de colágeno.

As agulhas criam feridas que desencadeiam uma “cascata de inflamação”, o mesmo processo de cura natural que ocorre quando o tecido da cicatriz é formado depois, como por exemplo um joelho arranhado.

As agulhas possuem pequenas profundidades fazendo com que o processo seja muito controlado.

Os resultados com a aplicação do microagulhamento para cicatrizes de acne e poros dilatados são promissores: um estudo de 2015 no Journal of Clinical and Aesthetic Dermatology mostrou “um notável aumento na aparência da pele, cicatrizes pós-acne e satisfação do paciente” em todos os 10 pacientes após um tratamento com 6 sessões. E enquanto os lasers são mais propensos a causar hiperpigmentação acidental em tons de pele mais escuros, o microagulhamento não.

Os especialistas concordam que quanto maior a profundidade das agulhas maior é o risco de infecção e por isso é recomendável o uso de agulhas com 0,5, a construção de um novo colágeno é iniciada e os poros dilatados serão amenizados.

O valor da aplicação do microagulhamento facial pode variar de 250,00 a 500,00, dependendo do perfil do público e insumos utilizados.

Se você quer ser profissional qualificada, aprender de verdade e livrar você e suas clientes dos poros dilatados, venha conhecer os cursos com aulas em HD, todo o suporte para dúvidas e certificado.

 

Para o curso de PEELINGS QUÍMICOS clique no link abaixo:

MAIS INFORMAÇÕES

 

 

 

 

 

 

 

Para o curso de MICROAGULHAMENTO clique no link abaixo:

MAIS INFORMAÇÕES

Conheça todos os meus cursos

Espero que tenha gostado desse artigo, para se especializar ainda mais em tratamentos estéticos, conheça todos os cursos que eu ofereço. Eu já consegui ajudar mais de 8.000 alunas e alunos.

Como o Microagulhamento transforma a beleza das pessoas

 

São muitos os benefícios que conseguimos ter com o tratamento de agulhas, por ser um método superficial quando indicado para esteticistas, não produzem efeitos indesejáveis com riscos à saúde, mas para saber tudo a respeito do método é preciso aprender o passo a passo da técnica.
Leia esta matéria interessante e fique por dentro.

 

Para o que realmente serve o microagulhamento?

O microagulhamento é um tratamento para rejuvenescimento da pele diminuindo Rugas, Cicatrizes de Acne, Manchas, Estrias, Lipodistrofia Ginoide e ainda trabalha no crescimento dos cabelos eliminando a Calvície e também promove o Rejuvenescimento das Mãos.

Viu só quantas patologias podemos tratar com o Microagulhamento? Essas são apenas as principais, esse tratamento é super abrangente.

Veja só alguns dos resultados das minhas alunas do Curso Online de Microagulhamento:

 

Como funciona o Microagulhamento

O microagulhamento é um estímulo mecânico que aumenta a produção de colágeno e elastina, esse estímulo é realizado através das agulhas bem finas e com várias profundidades.

Esse estímulo aumenta o processo de cicatrização que consequentemente produz um novo colágeno e uma regeneração celular.

 

Quais são os outros benefícios que o microagulhamento promove?

Ele também possui a ação de drug delivery, potencializa a permeação de dermocosméticos.

E o que significa drug delivery?

É o ato de levar o ativo cosmético o mais profundamente possível através dos micro furos provocados.

 

Então vamos entender como o microagulhamento age na pele.

Ele forma micro lesões provocadas, gera-se um processo inflamatório local, aumentando a proliferação celular (principalmente dos fibroblastos), fazendo com que aumente o metabolismo celular deste tecido (derme e epiderme), produz um novo colágeno, elastina e outras substâncias presentes no tecido, restituindo a integridade da pele.

Ele age de dento para fora.

Nesta foto você está vendo uma pele jovem, intacta e uma pele madura toda desestruturada. O microagulhamento reorganizará essa estrutura de formação de colágeno e fibroblastos novamente para atenuar rugas e devolver uma pele com viço, diminuindo o fotoenvelhecimento.

 

E como o microagulhamento consegue clarear melasmas?

Por promover uma renovação celular e devolver uma pele nova, consequentemente suaviza as manchas por promover renovação da pele e permite que na aplicação do microagulhamento você possa aproveitar as lesões provocadas para fazer o trabalho de drug delivery com vitamina c que é clareadora e ativos despigmentantes em fórmulas ou produtos prontos.

 

Agora eu vou te apresentar quais são os tipos de microagulhamento existentes.

Eu vou começar com o:

DERMAPEN

A Dermapen é uma caneta de microagulhamento que possui micro agulhas em sua ponta.

Nesta foto você pode observar o corpo dela e o cartucho com as agulhas.

A ponteira é totalmente descartável e trocada a cada aplicação. A caneta faz movimentos de vibrações e de sobe e desce com as agulhas.

É uma ótima opção para tratamentos de estrias ou rugas mais profundas.

Mas atenção: a Dermapen ainda não está liberada pela ANVISA.

 

Dermógrafo

 

Este é um aparelho chamado dermógrafo, o mesmo usado na micropigmentação e para tatuagens, este mesmo aparelho pode produzir o tratamento de dois modos diferentes por possuir dois tipos de ponteiras diferentes.

O primeiro modo de uso do dermógrafo para o microagulhamento é conectar a uma haste de polipropileno especialmente desenvolvida para o procedimento de escarificação.

Faz-se um arraste nas linhas, rugas e estrias par promover lesões inflamatórias e assim transformando a pele com o novo colágeno.

Esse primeiro modo de uso do demógrafo com a haste de polipropileno damos o nome de dermopuntura.

Um outro modo de uso do dermógrafo é o uso com a ponteira de agulha promovendo furos ponto a ponto nas rugas ou estrias.

Este modo não tem resultados muito efetivos pois o procedimento é lento e os resultados são demorados.

A este procedimento dá-se o nome de micropuntura.

Então pode-se dizer que a diferença da dermopuntura para a micropuntura é que na dermopuntura é utilizado a haste de polipropileno e na micropuntura utiliza-se agulhas.

 

DERMAROLLER

E aqui está o dermaroller, é o mais conhecido e o mais utilizado.

Dermaroller é um dispositivo relativamente barato, você poderá incluir no custo das suas sessões.

Pode-se trabalhar com vários tipos de tratamentos, como: facial, estrias, celulite, mãos e calvície.

É de fácil manuseio: Basta prestar sempre muita atenção no modo de uso do dispositivo e fazer o seu treinamento numa placa de EVA como você verá no vídeo, antes de iniciar qualquer tipo de atendimento na sua cliente, para que você possa sentir o peso das suas mãos e ver se as aplicações com o dermaroller estão corretas.

O dermaroller é o queridinho do mercado! Ele está na crista da onda, basta fazer a

sua propaganda que você conseguirá novas clientes, além de oferecer para aquelas que você já possui.

Os resultados serão garantidos.

O Dermaroller é um aparelho simples em forma de cilindro incrustado de microagulhas muito finas, cujos tamanhos variam, de acordo com a necessidade.

Ele pode conter 1200 agulhas, 540 agulhas (que é o mais comum), 180 agulhas ou 120.

As profundidades das agulhas variam de 0,25/0,35/0,5/0,75/1,0/1,5/2,0/2,5  até 3,0

Vai depender do tipo de tratamento a ser feito, lembrando que agulhas cima de 2,00 é somente para uso médico ou para o uso de profissionais acompanhados por um médico no ato do procedimento.

O dermaroller foi inventado por um médico chamado Desmond Fernandes que descobriu uma estimulação de um novo colágeno através dos ferimentos causados por estimulação mecânica das agulhas.

 

Muita gente pergunta: O Dermaroller é descartável ou pode ser reutilizado?

Para esclarecer essa dúvida, vamos nos basear nas normas da ANVISA

Tudo que é constituído por agulha, torna-se descartável.

O Dispositivo não é desmontável, portanto, descartável.

Não temos como esterilizar o Dermaroller na autoclave, pois ele possui na sua composição componentes de plástico.

Resolução ANVISA Nº 2605, 11 de Agosto de 2006

 

Conclusão

Bem, nesta matéria você aprendeu sobre todas as indicações de uso para o microagulhamento, seus benefícios, sobre os tipos de microagulhamento existentes e conceitos gerais.

Viu ainda que o dermaroller assim como as ponteiras do dermapen e do dermógrafo são completamente descartáveis.

Para saber mais a fundo a respeito do microagulhamento, aprender muitos protocolos e fórmulas e atender várias clientes com o procedimento e se tornar um (a) especialista na técnica, acesse o link abaixo e conheça o Curso Online de Microagulhamento que já ajudou milhares de profissionais a dominarem essa técnica.

MAIS INFORMAÇÕES SOBRE O CURSO

Conheça todos os meus cursos

Espero que tenha gostado desse artigo, para se especializar ainda mais em tratamentos estéticos, conheça todos os cursos que eu ofereço. Eu já consegui ajudar mais de 8.000 alunas e alunos.

O que a sua sobrancelha diz sobre você

Você sabia que o formato da sua sobrancelha pode revelar algumas informações sobre você? Basta ter um olhar atento e seguir algumas dicas que eu explico direitinho nesse artigo.

Se você trabalha com micropigmentação e ou com design de sobrancelhas, essas informações podem ser bastante úteis.

Boa leitura e lembre-se de deixar o seu comentário ao final do artigo, ok?

 

Saiba o que sua sobrancelha pode revelar sobre sua personalidade, através da Fisiognomonia

A Fisiognomonia significa o estudo das aparências e teve a sua origem na Índia, quando os antigos habitantes daquele país estudavam as rugas do rosto, as causas e origens das mesmas. Foi levada para a China, desenvolvida e estudada como diagnóstico, principalmente pelo Dr. Pen Chião, considerado o verdadeiro pai dessa ciência.

Tida como uma subdivisão da medicina Chinesa, a Fisiognomonia é estudada atualmente por monges, acupunturistas, e por toda uma legião de leigos e profissionais que reconhecem seu valor e importância como diagnóstico. Além de permitir que o especialista conheça certas particularidades do caráter da pessoa, a Fisiognomonia fornece outras informações através dos traços faciais, relacionando-os à sua saúde física, emocional e mental.

A causa pura está na sensibilidade do especialista perceber, no rosto da cliente, o diagnóstico que se manifesta, quando os detalhes são reforçados e as pequenas mudanças são tratadas como grandes mudanças, e averiguadas as mazelas que não se manifestam.

Sutis e Ralas

Uma pessoa com sobrancelhas sutis, finas e ralas é frequentemente indolente, mentalmente preguiçosa, apática e indecisa. Este sinal deve ser visto na globalidade do rosto, porque se as sobrancelhas são sutis e ralas em um rosto que possui um grande maxilar não se pode dizer que essa pessoa é indecisa ou preguiçosa, ou seja, deve-se sempre observar a globalidade.

 

Densas e Desgrenhadas

Quem apresenta este tipo de sobrancelha é, em geral, irascível, irritado e conflituoso. Também se caracteriza por ser incansável, exaltado, exuberante. Possui espírito de contradição.

 

Próximas às pálpebras

Se as sobrancelhas forem muito próximas às pálpebras, pode-se ter uma pessoa ambiciosa, forte, dotada de vitalidade e de determinação. Costuma ser introspectiva e ansiosa.

 

Distantes das pálpebras

Ao contrário, se as sobrancelhas forem distantes dos olhos, indicam-nos uma pessoa indecisa, tímida, ingênua e emocionalmente frágil, ansiosa.

 

Unidas na raiz do nariz

Este tipo de sobrancelhas denota uma pessoa suscetível a influências externas e frequentemente ciumenta. Existem, porém, vários tipos de ciúme.

É uma pessoa exuberante. A exuberância vem das sobrancelhas grossas. Nesta pessoa existe sempre uma grande força de caráter.

 

Espero que você tenha gostado dessas informações e estou curiosa para saber o que você achou, deixe sua opinião aqui nos comentários.

 

Micropigmentação com Dermógrafo

Aproveitando a sua presença aqui neste artigo interessante, eu quero lhe dizer que hoje uma das mais rentáveis profissões na área da estética é design de sobrancelhas.

Se você quer aproveitar essa grande oportunidade e entrar para esse mercado, clique neste link abaixo e confira. No botão abaixo você será direcionada para uma página onde irá encontrar todas as informações para participar do Curso de Micropigmentação com Dermógrafo.

QUERO MAIS INFORMAÇÕES

 

Conheça todos os meus cursos

Espero que tenha gostado desse artigo, para se especializar ainda mais em tratamentos estéticos, conheça todos os cursos que eu ofereço. Eu já consegui ajudar mais de 8.000 alunas e alunos.